segunda-feira, 1 de março de 2010

Profecia aos pregadores da América e do Brasil


E se essa profecia se cumprir? O que aconteceria com a igreja brasileira e alguns ministérios tão propalados?

Cindy de Ville
Tradução: João A. de Souza Filho

O juízo de Deus está chegando aos púlpitos da América.
"O Senhor diz:
O zelo da minha casa me consome, diz o Espírito de Deus! O amor por meu povo toma conta de todo meu ser. Portanto, começarei; sim, começarei, diz o Espírito, a limpar a minha casa. Vou trazer juízo. Vou subir nos púlpitos da América! Meu temor atingirá a todos os que se dizem possuidores dos cinco ministérios, e muitos se envergonharão do que farei com eles.
Os apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e mestres sentirão o meu juízo. Os que falam em meu nome e têm pecados escondidos, verão o que farei por eles, repentinamente. Os que pensam que podem continuar a viver em pecado, em serem meus porta-vozes, pisando nos lugares santos, usando a máscara do engano, verão o meu juízo! Agirei como um terremoto, e sacudirei a todos!
Não tolerarei mais o pecado. Chega, chega! Diz o Espírito do Senhor. Porque entrarei no meu templo com grande ruído. Minha casa voltará a sentir o temor e o tremor, porque confrontarei e removerei os pecados dos que usam os púlpitos para pregar. Alguns servirão de exemplos para os demais, como o foram Ananias e Safira. Tudo o que pode ser sacudido, tremerá! Porque terei uma nação santa, um povo separado. Terei uma igreja gloriosa, e afastarei tudo e todos os que se interporem em meu caminho. Este é um novo tempo.
Você clama e diz: Misericórdia, misericórdia, graça e graça, pensando que eu perdoarei o seu pecado oculto para que você continue a viver em rebelião! Não mais terei misericórdia! Suas lindas palavras não têm valor algum diante de mim; porque estou vendo suas obras!
Vocês têm pisoteado a minha graça, zombam de minha misericórdia, ensinam essas coisas ao povo e este vem envergonhando o meu nome. Agora, o meu povo acha que não faz mal pecar. Vocês abriram a porta de meu santuário e o infectaram de pecado. Fizeram de minha casa, a igreja, uma desgraça. O pecado está destruindo meu povo, minha igreja e destruindo sua nação.
Estou cheio de vocês! Não os agüento mais! Agora, é sem misericórdia e sem graça, porque vocês se achegam à minha presença com seus lábios, mas seus corações estão longe de mim. Não percebem que eu vejo tudo? Vocês não podem me enganar como enganam o meu povo, porque sou o Senhor e vou tratar com vocês.
Santo eu sou e meu santuário é santo, e terei um povo santo que carregará sobre ele minha glória. Serão povo santo para mim, portanto removerei tudo o que é impuro. Eu levanto e eu derrubo. Removerei o apóstolo, o profeta, o pastor, o mestre e o evangelista do meu púlpito, porque esses que se dizem ter os cinco ministérios estão violentando minha casa, a igreja.
Chega! Diz o Senhor. Meu juízo virá sobre os púlpitos da América. Julgarei, purificarei e limparei. O que eu vejo vocês fazerem em segredo, revelarei em público. Exporei ao povo os seus pecados.
Vocês enganam o meu povo, mas não a mim, diz o Espírito de Deus, porque vejo todas as coisas. Tenho visto o que vocês fazem a portas fechadas, e lhes digo: Chega! Porque o juízo está às portas. Já chegou!
Essas não são meras palavras. Fiquem atentos ao que lhes digo. Minha palavra se cumprirá e vocês passarão a me temer novamente. Estou chegando para tratar com os pecados da América; estou chegando para tratar com todos vocês.
Portanto, advirto: Não subam no púlpito com pecados ocultos, porque vocês poderão não viver no dia seguinte. Farei do meu jeito, diz o Espírito de Graça. Isto não é um jogo! Toda a terra conhecerá o meu nome!"
Este texto foi extraído do site do Pr. João A. de Souza Filho - http://www.pastorjoao.com.br




Postar um comentário